domingo, 19 de junho de 2011

INVERNO

2011, 21 de junho. Às 17:16 horas (GMT) desse dia o eixo da Terra chegará à [máxima] inclinação de 23º e 26' 16" em relação a uma imaginária linha vertical que seria perpendicular à incidência dos raios solares sobre o planeta. Um determinado lugar da Terra, estabelecido exatamente sobre o trópico de câncer, paralelo (23° 26′ 16" N) que delimita a zona tropical no hemisfério norte, receberá o chamado "sol a pino" (sem sombra projetada), quando o relógio solar do local marcar exatamente meio-dia.
Examinando-se, a grosso modo, um atlas geográfico, é possível perceber que as tais 17:16 horas de Greenwich vão corresponder ao meio-dia em alguma ilha das Bahamas, ou sobre o oceano, naquelas imediações. Portanto, é por lá que o Sol, num determinado instante, vai incidir exatamente na perpendicular sobre o planeta.

Esta é uma forma [um tanto exagerada, exibicionista ou exótica] de informar que nessa data começa o verão no HN e, consequentemente, o inverno (brrrr!) aqui no HS. O pessoal da região sul (RS, SC e PR) que o diga.
E já estou me preparando para temperaturas bem baixas, se levarmos em conta as previsões dos climatologistas brasileiros. Só não precisa ser assim como dá a entender esta foto [enviada pela Lu Costa] - uma amostragem de temperatura negativa (-35ºC), característica dos invernos no Casaquistão.
Posted by Picasa

Nenhum comentário: