terça-feira, 12 de março de 2013

[IN]SEGURANÇA A BORDO

Por Barry Meier e John Schwartz - The New York Times News Service/Syndicate 

"'Qualquer coisa que pare um navio na água é séria', disse Mark Gaouette, especialista em segurança e ex-oficial da marinha norte-americana.

Enquanto isso, afirmam os especialistas, os problemas de segurança como um todo podem aumentar à medida que as operadoras lançam uma nova geração de meganavios. Uma embarcação gigantesca como o Oasis of the Seas, operado pela Royal Caribbean, pode transportar até 5.400 passageiros e 2.160 tripulantes. É um terço a mais do que o número de pessoas em navios como o Splendor. De acordo com especialistas, evacuar qualquer barco é perigoso, um procedimento derradeiro. E que a perspectiva de fazer algo assim no Oasis of the Seas é intimidante. Ele transporta barcos salva-vidas para 6.500 pessoas; mil lugares a menos do que sua capacidade máxima. Cynthia Martinez, porta-voz da Royal Caribbean, afirmou que, se necessário, tripulantes teriam de transformar tobogãs para saídas emergenciais em balsas salva-vidas."

Fonte http://nytsyn.br.msn.com

Nenhum comentário: